Como descartar termostatos

Como descartar termostatos? Pode jogar no lixo comum ou funciona como lixo eletrônico? Será que tem perigo para o meio ambiente, ou pode ser reciclado? A seguir explicamos um pouco sobre o descarte consciente de termostatos, sempre pensando na maneira menos prejudicial para natureza e gerações futuras.

Dicas para descartar termostatos

Antigamente os termostatos eram fabricados com mercúrio, da mesma forma que os termômetros. Nestes caos o descarte precisava ser especial, pois o mercúrio é um produto tóxico que contamina água e solo. Caso seu termostato seja com mercúrio, tenha cuidado com manuseio e procure o descarte correte de lixo tóxico.

Atualmente existem praticamente três tipos de termostatos:

  • bimetálico – é um termostato mecânico (sensores não eletrônicos) que usa duas chapas fundidas feitas de metais diferentes (cobre, ferro, aço ou latão), e um circuito elétrico na ponta das placas. Os metais possuem coeficiente de dilatação distinto, por isso as placas expandem e comprimem de maneira diferenciada, de acordo com o aquecimento empregado. O circuito elétrico mantém a temperatura quando a temperatura correta é atingida. Se houver variação no sistema, as chapas se curvam e desencostam do contato, parando o fluxo elétrico.
  • com sensor de temperatura a gás – é um termostato mecânico (sensores não eletrônicos) com um gás ideal, que sofre expansão quando aquecido. Quando em local confinado, ele mantém o volume mas aumenta a pressão. O sensor mede a pressão interna do sistema e determina a atmosfera correspondente de acordo com o registrado.
  • termostato digital – utiliza sensores eletrônicos como termopares e termistores. Os termistores variam a resistência elétrica de acordo com a temperatura, e os termopares utilizam conjunto de filamentos metálicos de materiais diferentes unidos em sua extremidade (que registram a mudança do potencial elétrico de suas pontas a partir da variação da temperatura).

Explicamos sobre os tipos de termostatos para que a pessoa perceba que eles são resíduos eletrônicos como baterias, lâmpadas e outros produtos. São equipamentos que possuem circuito elétrico dentro deles e são feitos com partes de plástico e vidro, ambos podem ser reciclados e levam anos e anos para se decompor no meio ambiente.

Como descartar termostatos
Dicas para descartar termostatos

Portanto você pode deixar separado junto de outros produtos eletrônicos para ser levado pela empresa de reciclagem da sua cidade. Se não houver coleta e você não saiba o endereço do local, entre em contato com a prefeitura, pois eles possuem registro desses tipos de empresas.

Se não houver opção no seu município e o termostato ainda estiver funcionando, verifique se não tem algum local que você possa doar, ou até para algum conhecido ou familiar. Assim o termostato poderá ser utilizado por mais tempo e não ficará jogado no aterro sanitário, trazendo problemas para gerações futuras.

Deixe um Comentário